Bem vindos ao Fanfics da Cah. Sou Camila Cocenza, futura garota de programa! E não, não é o que estão pensando, apenas pretendo cursar Engenharia da Computação. Para mais informações: cahcocenza@hotmail.com

14/02/2011

I'm Sorry - Capitulo 19


Capitulo 19


PDV Bella

Minha vida estava uma confusão. Vamos esclarecer os últimos acontecimentos; Eu fui embora de Forks a 4 anos atrás, agora voltei para essa cidade pacata, mas voltei com meu namorado-não-amado Robert Pattinson. Que graças as forças do destino... é inimigo mortal de Edward, o cara que amo...

- Hoje é a vez da Bella ser nossa motorista! - A qual é, essa kristen está me achando com cara de chofer?

- Sim, o apartamento do Robert é no mesmo edificil que o da Kristen. - Alice sorriu.

- O que? Não vou morar no mesmo edifício que Bella?

- Felizmente não! Se não... teria que morar no mesmo prédio que eu! - Edward provocou.

- Não faz diferença mesmo... - Rob deu de ombros. - Eu vou ficar mais lá no apartamento dela do que no meu.

O rosto de Edward enrijeceu.

- Rob, você precisa ficar no seu hoje. - Alice avisou.

- Porquê?

- Porque você precisa assinar a papelada do apartamento.

- Ah tudo bem!

- Edward? - Kristen se virou para Edward.

- Sim?

- Você poderia trocar de apartamento com o Rob...

Rob? Que intimidade é essa? Pra ela é Robert!

- É mesmo Cullen... Assim você ficava perto da sua namorada e eu da minha NOIVA!

Ok, agora fudeu tudo! Ele tinha que contar que eu era noiva dele?

É... a 4 meses atrás Rob me pediu em casamento e eu... aceitei.


Flash Back On


Eu tinha acabado de sair do hospital quando meu celular tocou. Olhei o visor. Era uma mensagem.

De: RPatzz
Para: Bella

"Amor, venha ao meu apartamento assim que sair do serviço".

Mudei meu curso, fui para o apartamento de Robert. Subi para o seu andar, quando abri a porta quase tive um AVC.

- Amor! - Rob segurava um buque  de rosas em sua mão. Entregou a mim, eu aceitei. Ao entrar no seu apartamento vi que sua familia se encontrava lá. Pai, mãe e irmãos.

- Robert! Porque não me avisou que tem visita? Eu teria me arrumado...

- Amor, você fica linda de qualquer jeito.

- Sr. e Sra. Pattinson. - Cumprimentei meus sogros.

- Bella eu preparei isso tudo, porque eu queria te perguntar uma coisa... - Robert se aproximou de mim, pegou minha mão esquerda e se ajoelhou. OMG! Ele não vai fazer isso... ele não vai fazer isso...

- Isabella Marie Swan, eu prometo te amar sempre... - Tirou uma caixinha preta, do bolso de seu palito -... Aceita se casar comigo?

Flash Back OFF


Nessa época eu aceitei seu pedido pensando que um dia eu aprenderia ama-ló...

- NOIVA?!? - Foi uma pergunta feito por todos presentes ali naquela sala.

PDV Edward

Não! Não podia ser. Bella não podia ter aceito se casar com o Pattinson.

Não! Eu não posso perde-lá, não para ele, não. Não posso perde-lá para ninguém.

Aquela ferida cicatrizada, em meu peito se abriu. Parecia que alguém estava enfiando uma adaga em meu peito.

- NOIVA?!? - Todos perguntamos chocados.

- Sim! Bella não contou para vocês?

Olhei para Bella. Ela encarava o chão. Levantei-me bruscamente do sofá. Eu não queria mais escutar, eu não podia acreditar que Bella havia deixado de me amar.

Caminhei em passos largos para a cozinha. Senti minhas lágrimas traçando um caminho pelo meu rosto, e caindo sobre a mesa. Apoiei meus cotovelos na mesa e enterrei meu rosto em minhas mãos. Fiquei esperando eu acordar no meu apartamento, e ver que tudo isso tinha passado de um pesadelo, mas eu não acordei... Eu estava pagando pelo que fiz a ela. Mas o jogo ainda não acabou. Eu sou um bom jogador, vou usar todas as cartas em minha manga para reconquista-lá para mim.

- Edward... - Era a voz de Alice. Senti sua mão no meu ombro, virei-me para ela e a abracei.

- Edward, eu garanto a você, ela não vai se casar com ele. - Havia determinação na voz de minha irmã.

- Você viu Alice, ela não me ama, ela já me esqueceu, ela vai se casar com ele... - Mais lágrimas rolavam de meus olhos, fazendo a blusa de Alice se encharcar.

- Como você tem tanta certeza?

- Confie em mim Edward. Não posso te dizer, mas só peço que não perca as esperanças.

- Vou confiar em você Alie...

- Agora enxugue essas lágrimas - Ela sorriu e limpou minhas lágrimas - você vai conseguir reconquista-lá. Vocês se amam.

Me recuperei, tomei um como d' água e voltei para a sala. Bella e minha mãe não estavam na sala.

- Cadê Bella? - Alice indagou.

- Esme a chamou para ajuda-la em algo. - Kristen respondeu com seu tom de inveja.

PDV Bella 

- Você tem certeza do que está fazendo, querida?

Esme me puxou para seu quarto. Agora estávamos sentadas em sua cama e ela me encarava com um olhar sereno.

- Sim. Não... - Eu me compliquei. - Eu realmente não sei...

- Você sabe que casamento é uma coisa muito seria né?

- Sim. Mas...

- Bella, pense querida. Só você pode decidir a sua felicidade. E você sabe que não será feliz ao lado dele.

Esme tinha razão. Eu nunca seria feliz ao lado de Robert. Eu nunca seria feliz com ninguém, a não ser com Edward.

- Tudo bem. Prometo pensar nisso... - Esme sorriu e me abraçou. Me senti confortavel em seu abraço.

PDV Alice


Ok, Hora de morfar! Mas para isso eu preciso de uma assistente. Percorri a sala com os meus olhos e encarei a pessoa certa para me ajudar.

- Caah, você poderia me ajudar algo para bebermos?

- Ah Alice, para de ser folgada. - Ela resmungou. - Vai você!

- Caaaah. - Fiz sinal com a cabeça, mas eu acho que a cor do cabelo dela as vezes atrapalha.

- Ih, olhem só, Alice está com tique nervoso.

- Caah por favor, vem comigo! - Me levantei, fui até ela e sai arrastando a loira burra pela sala. Subi para o meu antigo quarto, e ela ainda reclamava.

- Para de reclamar Caah. É serio o que eu tenho a falar! - Sentei em minha cama, ela ficou curiosa e se sentou ao meu lado.

- Sou todo ouvido...

- Tem alguma coisa de errado com aquele tal Robert. Hoje eu estava na cozinha e ele entrou lá para atender o celular. Eu me escondi e escutei a conversa dele...

- Eita que coisa feia alice... - Ela me interrompeu.

- Cala a boca e me escuta. - Falei irritada. - Então... Ele falava com o pai dele, disse que logo ia embora, e que iria com o dinheiro de Bella.

- OMG! Não me diga que ele é um mercenário, que quer roubar o dinheiro de minha amiga.

- Pelo que tudo indica... sim! - Sussurrei. - Mas se nós falarmos para Bella, ela dificilmente vai acreditar. Vai dizer que estamos mentindo só porque não gostamos do Rob. Então, como eu sei que você é a pessoa mais confiável estou pedindo sua ajuda.

- Você está querendo espionar ele? - Arqueou uma sombrancelha.

- Sim, mas preciso de sua ajuda! Ele tem alguma ajudante, mas ele não disse o nome, só falou "ela".

- Eu aposto que é a Churcky norrys! Vamos tortura-lá até ela botar tudo para fora.

- Não caah! Não podemos fazer isso! Primeiro temos que descobrir provas contra ele.

- Certo! - Ela levantou a mão até o queixo e olhou para o teto. - Eu posso segui-ló hoje. Sei aonde é o apartamento dele, minha prima Brenda trabalha lá, ela poderia ficar de olho nele, visualizar todos os movimentos dele.

- Isso! Otimo! - Eu estava certa em pedir a ajuda de Caah, ela é demais, e muito má.

- Vou ligar para ela...

Ela tirou um celular rosa do bolso e apertou umas teclas, logo depois levou o celular até o ouvido.

- Alô?... Xenchelenta sou eu... Sim, a Caah... Você poderia fazer um favor para mim?... Claro que depois eu te dou um cd do Simple plan... Você só tem que ficar de olho no apartamento...

- Terceiro andar, apartamento 57. - Sussurrei.

- Prima, você vai ter que seguir todos os passos que o cara do terceiro andar, apartamento 57, der... O nome dele é Robert Pattinson... Sim, é gostoso... Por favor brenda!Não é hora para isso... Ok, qualquer noticia você me liga... Nossa que pobre, não tem credito?... Liga a cobrar então... Ele vai chegar ai no prédio daqui a pouco... Beijos...

Caah desligou o celular e olhou para mim.

- AAH QUE EMOÇÃO! VOU SER ESPIÃ! 

- Sim, nos vamos ser. - Fiquei de pé e a puxei pela mão para fora do meu quarto. - Temos que descer antes que eles note algo.

Chegamos na sala e nos sentamos no sofá. Eu quase ri. Caah ficou com os olhos cerrados encarando Robert.

- Cadê Alice? - Edward perguntou. Hein? Cadê o que?

- O que?

- As bebidas...

Ah... as bebidas....Oh Merda! Esqueci!

- Não tinha... - dei de ombros.

- O que vocês ficaram fazendo então? - Kristen perguntou.

- Fomos mijar! - Caah respondeu por mim. Mijar? Pelo amor de Deus.

- Ew! - A namorada do meu irmão fez cara de nojo.

- A qual é?! Vai dizer que você nunca mijou? Sra Não-mijo

Essa Caah é foda! Por isso que eu amo ela.

- Claro que eu já fiz isso, mas não falo nessa linguagem...

- Ah té então vou diz. - Caah ficou de pé e caminhou até o meio da sala. - Com licença gente, vou urinar. Soltar o liquido que meu organismo não utilizou. - Imitou a voz de Kristen. Eu ri. Ou melhor, eu gargalhei. Assim como todos na sala. Esme e Bella que se aproximavam viram a cena e também riram. Kristen ficou vermelha de raiva.

- Ok, vamos embora? - Edward levantou-se

- Sim! - Bella, kristen e Rob responderam.

- Tchau gente, até qualquer dia... - Bella se despediu de todos e saiu. Kristen fez o mesmo, assim como Edward e Robert.

PDV Bella

Deixei Robert e Kristen no edifício deles e segui para o meu, a detalhe: com Edward ao meu lado.

- Então... afim de comer algo? - Me perguntou.

- Não sei, estou sem fome...

- Podíamos pedir uma pizza, que tal? - Que cara insistente! Olhei para ele que sorria torto. 

Tem jeito de negar algo a ele?

- Tudo bem... Só uma pizza. Tenho que acordar cedo amanhã.

É, amanhã eu começaria a trabalhar no hospital.

- Tudo bem... Só uma pizza! - Ele sorriu, torto.

Meu carro começou a parar de repente, tentei liga-lo mas o maldito não ligava.

- Deixa eu dar uma olhada. - Edward saiu na chuva. É, estava chovendo. Abri o capo do carro para ajuda-lo. Ele ficou um tempo lá depois voltou todo encharcado. 

- Lamento informar. Mas teremos que ir a pé. A corrente arrebentou.

- Na chuva? - Perguntei.

- Porque? Você é de doce?

- Não... - Dei a língua para ele. - Vamos logo então.

Peguei minha bolsa e meus documentos de dentro do carro e o tranquei.

Não estavamos muito longe do nosso prédio, corremos feito dois mendigos atrás de um pedaço de pão.

- Oh, merda! - Gritei ao sentir meu corpo indo de encontro ao chão.

- Seu equilibrio não melhorou muito Bella.

O idiota zombava de mim. Edward estava todo molhado. Tentou me ajudar a levantar mas eu não conseguia, meu tornozelo doía muito.

- Acho que você torceu o tornozelo.

- Isso eu percebi quando comecei a sentir essa maldita dor.

 Edward riu e se abaixou a minha altura.

- Ei o que você pens... - Não adiantou perguntar. Antes que eu terminasse de formular a frase, Edward já tinha me pego no colo.

- O que você anda comendo Bella? Tá pesadinha, heim...

OMG! Eu estou gorda? Ele está me chamando de gorda?

- Seu desgraçado! Gorda é a sua mãe...

Ele riu. Começou a caminhar comigo em seu colo.


Continua....

Nenhum comentário:

Postar um comentário