Bem vindos ao Fanfics da Cah. Sou Camila Cocenza, futura garota de programa! E não, não é o que estão pensando, apenas pretendo cursar Engenharia da Computação. Para mais informações: cahcocenza@hotmail.com

14/02/2011

I'm Sorry - Capitulo 9


No Capitulo Anterior...

***************************************************


Ponto De Vista Edward



Bella dormia nos meus braços. Era novidade - para mim - dormir com uma mulher sem fazer sexo, eu me sentia diferente, eu me sentia um homem de verdade.
- Edward... - Encarei bella. Ela não estavá dormindo? - Edward... - Senti um emoção inexplicavel, Bella estava sonhando comigo! Bella estava me chamando enquanto dormia. Sorri por saber que ela gostava de mim de verdade, ela era diferente, não era igual as outras que só queriam dinheiro e prazer. Bella queria carinho e companherismo.

  Acariciei seu rosto, ela se remexeu e passou a perna sobre o meu tronco, e apoiou a cabeça em meu peito. Fiquei ali, não sei por quanto tempo, acariciando seu cabelo, até que peguei no sono.


***************************************************


Capitulo 9 - Bad Boys Vs The Crazy Girls


PDV Bella.



Acordei com duas mãos acariciando minhas costa carinhosamente, abri meus olhos e encontrei o sorriso mais lindo do mundo.

- Bom dia... - Edward beijou minha testa.

- Ér, bom dia...- falei meio sem graça por estar sobre seu peito. - Me desculpa. - Falei corando e saindo de cima dele.

- A Fica tranquila você nem babou tanto... - Ele rolou na cama e parou sobre mim. Mas...EU BABEI? PORRA QUE MICO! Senti meus olhos se arregalando.

- E-eu babei? - Perguntei encarando ele.

- Não sua boba. - Ele gargalhou e eu empurrei ele de cima de mim.

- Porque fez isto? - Perguntei nervosa me sentando na cama.

- Eu adoro ver você nervosa - Edward falou me abraçando. - Seu rosto fica vermelho e você fica mais linda. - Falou gesticulando com a mão. Bufei, me levantei da cama fui para o banheiro e bati a porta com força.

- Pode parar com essa mania de bater a porta. - Edward abriu um pouco a porta e enfiou a cara feito idiota - mais lindo - e ficou rindo.

- Porque não? O banheiro é meu e a porta é minha, eu bato quanto e o tanto que eu quizer. - Falei rispida começando a escovar os dentes.

- É ruim! quando tivermos nossa casa quero ver você fazer isso! Você apanha! - Oque ele falou? Nossa casa? eu e ele? morar juntos?

Me engasguei com a pasta de dente. o troço entalou na minha garganta. Comecei a tocir feito uma condenada, Edward percebeu meu estado e veio me ajudar.

- Não morra Bella. - Ele falou gargalhando enquanto me agarrava por tras e apertava minha barriga.

- Ficou louco Edward? - Perguntei depois que consegui falar. Merda, a minha garganta estava ardendo por causa da pasta de dente.

- Louco? Eu? Porque?

- Eu e você morar juntos? - Perguntei rindo. Eu e edward morar juntos? DUVIDO!

- É, sei lá né. - Ele deu de ombros e abriu sua bolsa que estava no chão do banheiro e retirou sua escova de dente. Mas aquele assunto não saiu da minha cabeça. Será que Edward o bastante de mim para casar? Humpf! Eu e meus sonhos...


[...]

- Edward! Eu nunca mais minto para a mamãe. - Alice falou logo que chegamos na escola.

- Você conseguiu convencer dona Esme de que eu sai mais cedo?

- Ela me fez responder olhando nos olhos dela... - Alice fez cara de choro. - Eu minti e ela acreditou...

- Obrigada baixinha, eu te amo! - Falou Edward levantando alice no ar.

- Me solta Edward! Você vai bagunçar meu cabelo. - Edward fez o que a irmã pediu e gargalhou.

Entramos na escola e encontramos Emmett e Caah discutindo.

- Vai você, a ideia foi sua. - Meu irmão empurrava o caderno para Caah.

- Mas foi você quem arrecadou as assinaturas, nada mais justo do que você entregar ao diretor. - Caah jogou o caderno de volta para meu irmão.

- Ok, vamo resolver isso no dois ou um? - Eu ri, ri não, eu gargalhei. Meu irmão era burro mesmo. Tirar 2 ou 1 entre duas pessoas? Nunca vi isso.

- Demoro. - Minha amiga falou confiante.

- Vai então. - Meu irmão escondeu a mão para tras. - 2 ou 1. - Os dois colocaram a mão na frente Caah colocou um e Emmett dois.

- EU GANHEI! - Caah gritou.

- PORQUE? - Meu irmão perguntou.

- Porque 5 é par ! - Edward, eu, Alice, Jasper, Rose e Jake, que viamos a descusão dos dois caimos na gargalhada, daonde Caah tirou que 5 é par? E eles não estavam tirando dois ou um?

- USSO NÃO FOI VALHIDO! - Meu irmão resmungou.

- Seu burro é VALHEDO!Deer! - Caah bateu na testa revirando os olhos, se achando mais esperta do que meu irmão.

- A tanto faz! - Emmett deu de ombros.

- Tenho outra ideia... - Caah falou levantando o dedo no alto. - Diz um numero. O maior numero ganha!

- Tá bom. - Emmett concordou. Olhei para edward e ele prendia o riso, assim como todos os outros. - Deixe-me ver... - Meu mano coçou o queixo. - Escolho o numero 69, ele sempre da sorte. - Falou abrindo um sorriso malicioso para Rose. ÉCA!

- Eu esconho 70! - Caah falou - Eu ganhei, baby! - Comemorou com a tipica dancinha da vitoria. - Toma grandão, vai lá e tira a bruxa da escola. - Jogou o caderno para Emmett, que bufou e entrou na sala do diretor.

- OMG. Cada coisa que eu tenho que ver... - Alice gargalhava balançando a cabeça negativamente.

- Eu fico me perguntando qual dos dois é mais louco... - Jasper falou pensativo.

- Acho que da empate! - Edward falou, depois se virou para mim e me puxou pela mão. - Vamos para nossa aula Baby! - Sorri e me deixei ser puxada por ele, com ele eu ai até para o inferno.


[...]

- Bella olha o que comprei para você usar hoje. - Alice Balançou uma sacola no ar. Estavamos na minha casa, mais especificamente no meu quarto. Alice me maquiou e fez um penteado em mim, mas até agora não me deixou olhar no espelho.

- Alice não precisava... - Tentei recusar mas...Alice é Alice.

- Poem logo Bella. - Não adiantaria descutir com alice, ela tem o dom de irritar e sempre consegui tudo o que quer. Fui para o banheiro e abri a sacola, o vestido era realmente lindo, preto, não muito curto mas não muito grande, o decote não era vulgar, mas realçava meu busto. Sai do banheiro e peguei as minha sandalia preta no meu Closet.

- Bella você está linda!

- Obrigada alice. - Sorri. - Posso me olhar no espelho?

- Agora pode! - Desvirei o espelho do meu quarto, que alice tinha virado para que eu não assondase.

- OMG! - Fiquei espantada com a figura do espelho, aquilo não era eu, ela era sexy, bonita. - Essa sou eu? - Perguntei para mim mesma.

- Claro bobinha. - Alice respondeu, mas eu não acreditei nela então levantei minha mão direita para ter certeza, e a figura do espelho fez o mesmo ato. OMG SOU EU!

- Eu estou... - Não consegui achar palavras.

- Linda, Sexy, Bonita, gostosa, atraente e apresentavel. - Alice disparou a falar. Eu ri. Ela já estava pronta. Edward não estava aqui em casa, Alice disse que seria surpresa. Saimos da minha casa no carro de alice.

- Bellinha estou tão feliz. - Alice falou enquanto dirigia.

- Qual é o motivo? - Perguntei.

- Eu e Jasper fomos aceitos na mesma faculdade, Yale, estavamos fazendo planos de morar juntos, no mesmo apartamento.

- Que bom Alice. - Eu também tinha recebidos varias cartas de aceitações. - Eu também fui aceita em Yale, Darthmont e Stanford, mas não escolhi qual ainda.

- Edward foi aceito em Yale também. - Ela sorriu. - Vocês poderiam conversar e ir juntos, seria ruim ficarem separados.

- É, mas não sei se seu irmão vai querer me aturar na faculdade, as vezes sei lá, ele pode querer outra pessoa, ou não quer estar comprometido. - Dei de ombros.

- Não sei, acho que vocês tem que conversar, mas euzinha, acho que Edward vai querer que você vá com ele.

- Vamos ver. - Sorri. Será que era esse o proposito do papo de Edward hoje de manhã? Morarmos juntos e fazer faculdade em Yale?.

Alice estacionou na garagem e saimos do carro. A casa dos Cullen era linda, dois andares, era tipo "Clear", branca, com paredes de vidro e com um lindo jardim.

- Vamos. - Alice puxou minha mão, subimos a pequena escada que dava a porta principal e entramos. A sala de Esme era linda. moveis em tom magno com paredes brancas. completamente linda!

- Oi Bella. - Esme e Carlisle foram os primeiros que vi, eles estavam de mão dadas e sorriam.

- Oi Esme. - Ela me deu um abraço doce e gentil.

- Querida você está linda!

- Obrigada mãe! - Alice quicou. - Trabalho todinho meu! - falou batendo palminhas.

- Cadê minha namorada? - Edward se fez de louco ou estava querendo me deixar nervosa pois ele ficou ao lado da mãe dele olhando para todos os lado, como se eu não estivesse ali. Mordi os labios, cruzei os braços, e franzi a testa.

- Edward você não é meu irmão! Você é muito bobo, mamãe deve ter te pegado por engano na materninada. - Alice falou revirando os olhos dando um tapa na cabeça do irmão.

- Ontem eu fiz essa mesma pergunta para mamãe, se ela tinha te pego por engano, mas dá licença que quero ver minha namorada. 
- Edward tirou alice de sua frente e sorriu pra mim.

- Oi. - Ele falou.

- Cadê? Ela já chegou? - Perguntei olhando para tras.

- Bobinha... - Ele andou até mim, excluindo o espaço entre nos e me abraçou. - Você está linda. - Sussurrou no meu ouvido.

- Obrigada. - Sorri e dei um selinho nele. Edward pegou minha mão e me puxou para o sofá.

- Uou! Alice eu quero um ponei! - Meu irmão pediu para Alice assim que sentamos no sofá.

- Porque? Não tenho ponei - Ela falou meia confusa.

- Mas você faz magica. - O Cabeçudo apontou para mim. Revirei os olhos, ele não ia me irritar!

- Pare de ser bobo, minha Bella é linda de qualquer jeito. - Edward me abraçou e beijou meus labios.

- Pelo menos alguém me defende! - Dei a lingua para meu irmão que gargalhava. Os pais de Rose se juntaram a nós, Elizabeth parecia muito com Jasper, já Rose puxou seu pai Josh. Eles eram engraçados e gostaram de Emmett. Esme e Carlisle eram um casal perfeito, dava para perceber o amor de um pelo outro quando se olhavam.

- Vamos almoçar. - Fomos todos para a sala de estar e sentamos ao redor da mesa.
Então Bella, já recebeu alguma carta de aceitação de alguma faculdade para onde tenha se inscrito? - Carlisle me perguntou.

- Já sim. Fui aceita em Yale, Darthmont e Stanford, mas não escolhi qual ainda. - Dei de ombros.

- Temos que escolher logo, já estamos quase nos formando. - Emmett entrou no assunto.

- Você foi aceito em qual Emm? - A mãe de Rose já tinha adotado o apelido do meu irmão.

- Darthmont, Stanford e Yale, como minha irmã. - Respondeu todo orgulhoso.

- Pretende se formar em que? - Agora foi o pai de Rose que perguntou. Ele devia estar pensando " Será que esse cara é bom para minha filha?", eu quase ri.

- Advocacia. - Ele abaixou a cabeça. - Sabe como é... minha mãe sempre quis que eu me torna-se advogado e minha irmã medica. 

- Ele levantou a cabeça e percebi que seus olhos estavam marejando. - Então descidimos realizar esse desejo dela... - Deu de ombros. Emmett sentia muita falta da mamãe, assim como eu, mas ele sempre foi muito ligado a ela.

- Desculpe se falei algo errado...
Josh tentou falar vendo o estado de Emm, mas Emmett interrompeu.

- Não, não é nada é que sinto falta de minha mãe.

- E então Rosalie, em que universidade pretende ir? - Esme viu que o assunto nos abalava e mudou o assunto.

- Pretendo ir para Yale. - Falou abraçando Alice. - Sabe como é que é, não consigo ficar longe da Barbie. - Bagunçou os cabelos de Alice, que mandou um olhar mortal para ela. Rose virou para Emmett e falou autoritaria. - Você vai para Yale também. - Eu ri da cara do meu irmão.

- Desculpa Rose, eu te amo mas... - Ele olhou para mim. - Vou para onde Bella escolher, sabe...ela é minha irmã. - O idiota que eu amo fez o mesmo que Rose fez com alice, bagunçou meu cabelo.

- Mas Bella também vai pra Yale. - Edward falou olhando para mim com aquele sorriso torto. - Não vai?

- Não sei... - dei de ombros.

- Agora sabe! Você vai pra Yale como todos nós. - Edward afirmou.
Revirei os olhos. Ele acha mesmo que manda em mim? Mas...ele queria que eu fosse para Yale com ele? AAAAH que tudo.

- Então tá. - Falei sorrindo, todos comemoraram.


[...]


A semana se passou, e hoje seria o concurso de bandas na escola. Edward e eu estavamos mais unidos do que nunca, ele sempre atencioso, carinhoso e cuidadoso, todos os dias vem aqui em casa e me tras presentes, que a maioria das vezes são chocolates. 
Estavamos eu e as meninas no meu quarto, ainda não tinhamos escolhido o nome da banda e era necessario fazer isso agora!

- Eu já dei a minha ideia... - Caah deu de ombros. -... Porra ia ser show. - Ela ainda insistia para colocarmos o nome da banda de "Porra".

- Vamos fazer assim. - Peguei uma folha e dei um pedaço para cada uma. - Vamos sortear, o que sair vai ser o nome da banda.

- Está bem. - Cada uma escreveu na folha, dobramos e colocamos em um saquinho.

- EMMETT!!! - Gritei meu irmão, não demorou muito ele passou pela porta do meu quarto.

- Eu? - Ele sorriu.

- Tira um papelzinho daqui de dentro. - Estendi o saquinho. Meu irmão colocou a mão, ficou mexendo, mexendo, Falei mexendo? é, mexendo!

- Tira logo essa porra Emm! - Caah rosnou. Emmett tirou um papelzinho e leu.

- E o nome sorteado foi... - Fez suspense com a mão, eu ri. - The Crazy Girls.

- AAAAAAAAAHHHHH - Rosalie começou a comemorar demonstrando que foi a sugestão dela ganhadora.

- Até que é maneiro... - Alice e Caah falaram juntas. Eu também tinha gostado, e era verdade. SOMOS MENINAS LOUCAS!FATO!

- vai ser esse mesmo. - Falei me levantando. - Tanto faz o nome, de qualquer jeito. - Encarei meu irmão. - Vamos ganhar dos Bad Boys.

- É isso ai! - Rose, Alice e Caah gritaram juntas jogando os braços para o alto. Emmett revirou os olhos e saiu do quarto.

- Vamos nos arrumar. - Alice pegou umas sacolas preta que ela trouxe.

- Vamos! - Concordamos.


[...]


Faltavam 30 minutos para começar o concurso. Eu e as meninas estavamos na escola, não tinhamos visto nossos namorados deis de cedo, e eu estava morta de saudade de Edward.


PDV Edward


Eu estava meio...perdidão! Não conseguia ficar longe de Bella, a semana passou rapidamente e ela já era uma droga para mim, uma droga na qual estou viciado. O seu cheiro, toque, voz, tudo nela me faz ficar mais calmo, eu estava realmente apaixonado por Bella, mas uma coisa me preocupava: A Aposta! Eu estava pensando em conversar com Jake amanhã pois, hoje estavamos um pouco anciosos para ganhar das meninas.

- VAMO LOGO CABEÇUDO! - Emmett gritou. Era nossa vez de se apresentar, eu não vi bella deis de cedo, estava com uma imensa saudades dela.

- Estou indo! - Larguei o copo d'água que estava bebendo, peguei minha guitarra e fui para o palco, somos a 3º banda a se apresentar, as meninas seriam as 5º.

- Vamos botar pra quebrar! - Jake falou quando entramos no palco da escola. Emmett foi para a bateria, Jasper teclado, Jake baixo e eu guitarra.

- "Bad Boys, bad boys, bad boys, bad boys" - As meninas da escola gritavam, percorri todas as cadeiras a fim de encontrar bella, mas ela não estava ali nem nas arquibancadas.

- Podem começar a tocar. - O diretor Ranger falou, assenti, olhei para tras e os meninos fizeram sinal de positivo.

- 1,2,3... - Emmett começou batendo as baquetas uma contra a outra.[N/A:2º Voz é do Jasper]


[Hori - 23 de setembro]



" Hoje eu parei pra escutar meu coração,que só fala de você deis de quando eu te vi,
Hoje as lembranças já fazem parte dessa canção... (que eu escrevi só pra você) 
Nos vamos estar, 
juntos mesmo quando não estamos perto,
Já não importa mais o que ficou pra trás. (Agora é só eu e você)
Vem ai e me mostra como tudo deve ser, (marca minha historia mesmo sem querer)
Como tudo deve ser...

Eu nunca achei alguém pra ser feliz, mas em você tem algo que me diz,
que tudo vai, ser bem melhor pra mim.
E você vem em camera lenta, agora a sua imagem fica em minha cabeça,
por nos dois, eu faço tudo. (Eu faço tudo)

Nos vamos estar, 
juntos mesmo quando não estamos perto,
Já não importa mais o que ficou pra trás. (Agora é só eu e você)
Vem ai e me mostra como tudo deve ser, (marca minha historia mesmo sem querer)
Como tudo deve ser...

Eu não vou mentir, não vou mudar aquilo que eu sinto...não vou mentir!

Nos vamos estar, 
juntos mesmo quando não estamos perto,
Já não importa mais o que ficou pra trás. (Agora é só eu e você)
Vem ai e me mostra como tudo deve ser, (marca minha historia mesmo sem querer)
Como tudo deve ser...(2x).



____________________________


- UU-HULL! - Emmett gritou depois que terminamos.

- "Bad Boys, bad boys, bad boys, bad boys" - As garotas gritavam, eu ri quando uma jogou um sutian para mim, até me senti um membro de uma banda famosa.

- Obrigada aos Bad Boys, podem deixar o local e esperar pela apresentação das outras bandas. - O Diretor falou. Descemos do palco, nos sentamos na primeira fileira, queria ver minha bella e as garotas, mal sabem elas que nós fizemos essa musica pensando nelas. Pelo que ouvi a Alice falando, elas iam cantar uma musica que também comporam.

- Já ta no papo! Vamos ganhar das garotas. - Emmett falou confiante.

- Não sei não, elas são boas... - Jasper sempre pensando negativo. Mas ele tinha razão, pelo que vi bella no quarto aquela vez, ela toca e canta bem, minha prima e minha irmã também tocam...vamos acabar perdendo.


PDV Bella


Fudeu!

Porra eles tocam muito... Até bateu um desanimo...

- Bella não fica assim. - Alice me consolava. - Você vai ver, vamos arrazar!

- Porra, eles são bons - Caah falou se sentando ao meu lado. - MAS NÓS SOMOS MELHORES! PENSAMENTO POSITIVO BELLS! VAMOS GANHAR ESSA BAGAÇA! - Ela sorriu. É nos vamos ganhar! Vamos ganhar, Vamos ganhar!

- Ok, vamos entrar lá e detonar! - Falei me pondo de pé. Nós seriamos as proximas a tocar, a apresentação da outra banda já estava acabando.

- É isso aé! Nossa musica é um pouco mais agitada do que a deles, então é só tocarmos certo e darmos o melhor de si nisso! - Rose murmurrou.

- Coloquem a mão aqui. - Alice pediu, colocando a mão estendida, coloquei a minha sobre a dela, Caah e Rose fizeram o mesmo.

- NOS VAMOS GANHAR ESSE CONCURSO PORQUE NÓS SOMOS... - Rose puxou o coro. - THE CRAZY GIRLS! - Gritamos em coro jogando as mãos para o alto. Eu estava mais confiante, ia dar certo!



PDV Edward


Agora era a hora das meninas entrar.

- Podem entrar a banda... - O diretor falou, olhou no papel e disse: - The Crazy Girls!

- "Thee Craazy Giirls, Thee Craazy Giirls, Thee Craazy Giirls, Thee Craazy Giirls. " - Bufei vendo os malditos muleques gritando.

É EU ESTOU COM CIUMES! E DAI?

- Olha só... - Jasper apontou para o palco de boca aberta, virei-me para poder ver o que ele...

MINHA NOSSA!

- Minha nossa! - Emmett leu minha mente. As meninas estavam totalmente sexy, mas meus olhos não saiam de Bella, ou melhor, não saiam de suas pernas. Bella usava uma mini-saia preta - assim como todas as outras meninas - uma bota preta, camiseta branca e rosa escrita " Crazy Girl", sua maquiagem era forte e marcante, seus cabelos estavam soltos. As outras meninas estavam como ela, mas não chamaram muito minha atenção.

- Podem começar a tocar. - O diretor Ranger falou, Bella acentiu.



[Fake number - Você vai lembrar]

" Muitas coisas vão atrapalhar, 
vão haver mais luta pra gente enfrentar,
mas depois, vamos estar mais forte,
maior que todos,
maior que o medo.
Mudei tudo, modifiquei meu mundo, 
mas não me arrependo de nada...

Refrão:
É você vai lembrar (uoou)
de mim quando escutar (úoou)
essa musica!(uoouoo) (uoouoo) (2x)

Você tem que saber,
que meu sorriso é pra você,
como são todas as canções,
que dizem entre versos e refrões
que o meu amor também é teu (Tudooo).
Modifiquei meu mundo, 
mas não me arrependo de nada...

Refrão:
É você vai lembrar (uoou)
de mim quando escutar (úoou)
essa musica!(uoouoo) (uoouoo) (Essa musica) (4x)

E o meu amor é seu,
e o seu amor é meu,
e o meu amor é seu...

________________________________________

Uau! Elas...Arrasaram.

- Porra, elas mandaram bem pacas... - Emmett resmungou cruzando os braços. A galera foi ao deliriu enquanto Bella cantava.

- "Thee Craazy Giirls, Thee Craazy Giirls, Thee Craazy Giirls, Thee Craazy Giirls. " A galera continuava aplaudindo e gritando, eu fiquei de pé e aplaudi também.

- Obrigada The Crazy Girls, podem deixar o local e esperar pela apresentação das outras bandas. - O Diretor falou. Bella sorriu para mim e desceu do palco, alias, ela cantou olhando para mim.

- Amor, você foram demais. - Falei levantando ela no ar.

- Obrigada amor! - Bella agarrou meu pescoço. - Agora me poem no chão. - Ela pediu rindo, atendi o seu pedido e a coloquei no chão, Bells mordeu os proprios labios e me olhou nos olhos, coloquei minha mão em sua cintura a puxei para mais perto de mim, bella entrelaçou seus dedos em meu cabelo e beijou meu rosto, queixo, naris, e por ultimo minha boca, aprofundei o beijo invadindo sua boca com gentileza, deixando que nossas linguas dançassem em um ritmo calmo e sensual, já fazia alguns dias que nosso relacionamento estava esquentando, mas não transamos ainda, bella é virgem e eu a respeito, quando ela achar que é hora, vai ser a hora. Nos separamos dando selinhos e leves mordidas.

- Ow! - Senti alguém me cutucando no ombro, virei-me e encontrei um Emmett sorridente. - Os jurados vão falar agora a descisão.

- Vamos lá Ed. - Bells me puxou, nos juntamos aos outros e ficamos esperando os jurados se descidir.

...

- Depois de muita discussão entre nós, decidimos que ouve um empate... - O diretor Ranger falou no microfone.

- Empate? - Emmett perguntou confuso.

- Aham ursão. - Rose respondeu.

-...E os vencedores são "The Crazy Girls" e ... - Antes do diretor terminar as meninas começaram a quicar mais que bola.

- ... OS Bad Boys" - Foi o diretor terminar de falar, eu, Emmett, jasper e jake nos juntamos as meninas, começamos a comemorar.

- Vencemos, vencemos, vencemos... - Eu, os meninos e as meninas começamos a comemorar juntos.

- Peço mais um minuto de suas atenção. - O diretor falou no microfone, ninguém deu a minima para ele, continuamos comemorando. - Por favor silencio! - Pediu novamente, e nada. De repente e ele berrou

- CALEM-SE BANDO DE MACONHEIROS, IMPRESTAVEIS E INRESPONSAVEIS!

Oque foi isso?

Todos se calaram. Ele arrumou a gravata e começou a falar novamente.
- Muito Melhor. - Pigarreou antes de começar a falar. - Gostaria de avisar que a Professora de trigonometria a Sra.Labisca Norrys, não estara dando mais aulas pelo fato de varios alunos reclamarem dela, então atendemos seus pedidos.

- Yes! Conseguimos! - Emmett e Caah pulavam abraçados, feito duas crianças, não só eles mas todos que estavam comemorando juro que vi o Sr.Banner socando o ar com um sorrisão.

- É HORA DA... - Emmett falou, nesse momento um silencio habitou o ginasio. E o mais incrivel foi a galera gritar em coro:

- ... DANCINHA DA VITORIA! - Você pode não querer acreditar mas os alunos todos estavam fazendo a dancinha da vitoria, Bella ria com Alice.

[...]


PDV Bella.


Todos foram para minha casa comemorar, tinhamos vencido! Impate! Logo que entramos dentro de casa puxei Edward para o meu quarto, todos já estavam acostumados pois isso virou rotina. Namorar no quarto é bom! Fato!
Assim que entramos no quarto, passei a chave trancando-a. Virei-me para Edward e ele estava sentado na minha cama - Como sempre -.

Mordi meu lábio inferior enquanto me aproximava dele, e com uma expressão maliciosa sentei em seu colo. A atitude pegou ele de surpresa. Cruzei minhas pernas em seu corpo e lentamente – olhando em seus olhos – fui chegando mais perto do meu destino.

Recuperado, seus olhos estreitaram, e ele mantinha um sorriso safado no rosto. Mordi seu lábio e puxei, bem devagar, arrastando os dentes. Sua expressão mudou, e seus olhos pareciam escurecer. Imediatamente senti uma mão apertar, por dentro da minha blusa, a minha cintura, enquanto a outra segurou o meu cabelo e o jogou pra trás.

Fechei os olhos e senti sua respiração quente chegar até o meu pescoço. Conti o gemido – não podia ser tão fácil assim pra ele. Edward beijava, mordiscava e lambia, o local. Aquilo estava me tirando do sério.

Com as duas mãos, ele levantou a minha blusa. Entendendo o que queria, levantei meus braços, dando espaço pra ele tirar a peça. Assim que o fez, ouvi um gemido baixo.

Edward me encarou e trocou nossas posições, me deitando na cama. Eu já me sentia toda molhada, e pela visão que eu estava tendo, isso só tendia a melhorar. Ele, ajoelhado em cima de mim, tirou a camisa, deixando parte do seu corpo – extremamente gostoso – amostra.

Quanto foi que a temperatura aumentou tanto?

Não aguentando mais a distância, o puxei pra mim – o controle, eu tinha mandado pro inferno. Ele não se opôs, simplesmente me puxou pela nuca e me deu um beijo cheio de desejo. Sem desgrudar de mim, ele largou meu pescoço e se apoiou no cotovelo, levando a outra mão até meu seio.

Dessa vez, não pude conter o gemido. Ele sorriu na minha boca, dando mais intensidade ao movimento que fazia. Pelo jeito, era Edward quem estava perdendo o controle agora.

TOC TOC TOC 

Edward tirou a mão do meu seio enquanto saia de cima de mim, seu rosto começou a ficar vermelho de raiva. Respirei frustrada e coloquei minha camiseta.

TOC TOC TOC.

- Bella, Edward, andem logo, estamos esperando vocês para rodarmos o filme. SAIAM DESSE QUARTO LOGO!. - Bufei ao ouvir a voz da minha ex-melhor amiga, é Ex-melhor amiga, porque pela expressão de Edward, alice não ia viver muito!

- Mate sua irmã. - Falei dando um beijo nele.

- Não precisa pedir, já estou planejando uma forma de tortura-lá até a morte.

Descemos para a sala e nos juntamos aos outros, deitei-me com Edward em um dos cochonetes que estavam espalhados pela sala.

- Emmett que filme é esse? - Perguntei nada interresada...por causa dessa porra de filme não conseguimos terminar o que estavamos fazendo lá em cima.

- É um filme legal. - Ele respondeu

- Espero que não seja filme pornografico Emmett! - Rose falou meia desconfiada.

- Não é tão legal assim ursinha, mas se quizerem eu posso...

- Emm Cala a boca e poem essa merda! - Alice deu se levantou e deu um tapa na cabeça dele.

- Ok, ok, desculpa por eu ter nascido... - Falou todo deprimido colocando o cd no aparelho dvd e indo se deitar ao lado de Rose. 

O filme era até legal, se chamava "Um amor para recordar", uma jovem nerde se apaixona por um popular, mas ela tem leucemia.

Me levantei e fui até a cozinha, afim de beber algo. Eu sabia que o final daquele filme, já tinha assistido. Acabei pegando um refrigerante, e quando estava voltando para a sala, passando proxima a escada, a portinha se abriu e dois braços fortes me agarraram, me puxando para dentro do armario que havia embaixo da escada.

- Ed, amor, você é louco... - Falei rindo em sua boca enquanto ele me beijava.

- Louco por você. - Ele gargalhou e diminuiu o ritmo do beijo, me beijando lentamente, um beijo doce e apaixonado.

- Qual sua intenção em me trazer aqui? - Perguntei.

- Dar uns amaços gostoso. - Respondeu mordendo minha orelha.

GOSTEI DA IDEIA!

- Meu Deus, você ta me deixando doida. - Arfei quando Edward começou a morder, lamber e chupar meu pescoço.

- Melhor parar. Não quero ter nossa primeira vez juntos e a sua primeira vez, debaixo da escada.

- Eu nem ligo, se for com você... - Falei, fazendo Edward dar uma gargalhada gostosa.

[...]

Nenhum comentário:

Postar um comentário